A maioria das pessoas que planejam morar no exterior, não se sentem preparadas para o mercado de trabalho pelo fato da língua estrangeira ser uma das maiores dificuldades para arrumar um emprego, e realmente esta é o primeiro grande obstaculo a ser superado. Mas existe um caminho mais tranquilo, vou te mostrar a seguir:

Selecionei 5 profissões onde a comunicação não é a coisa mais importante, e sim o seu trabalho e dedicação. Vou ordená-las por nível de conhecimento do idioma estrangeiro, vamos lá:

Limpeza

trabalhar-limpando

O profissional que chega em um país onde não tem conhecimento da língua local tem maiores chances de conseguir um emprego em uma empresa de limpeza, ou trabalhar para uma família como diarista.

Entregador

entregas-trabalhar

Aqui o profissional deve ter uma noção básica do idioma estrangeiro, mas ainda sim não precisa de muito para arrumar um emprego como entregador, pode ser de pizza, de compras de mercado, de eletrônicos, de móveis, etc. Nesse caso serve mais ter carteira de motorista e bom manuseio de GPS.

Pizzaiolo ou padeiro

trabalho

Estas profissões vão exigir um pouco mais de conhecimento do profissional na língua estrangeira para saber lidar com os pedidos dos atendentes, ainda sim como o contato não é direto com os clientes, não é preciso ser um expert no idioma, basta saber como por as “mãos na massa”!

Interessado nessa profissão? Recomendamos dar uma olhada neste curso de Pizzaiolo Profissional

Porteiro de prédio residencial

porteiro-condominio

Uma profissão muito tranquila, com uma rotina diária que facilita para pessoas que ainda tem dificuldades com o idioma. No começo pode ser complicado, mas como praticamente todos os dias se faz as mesmas coisas e se tem contato com as mesmas pessoas, tudo fica mais fácil com o passar do tempo e nas horas vagas ainda sobra um tempinho pra estudar.

Garçom

emprego-garçonete

A maioria das pessoas deve imaginar que para ser garçom tem que ser fluente no idioma estrangeiro, pois saiba que não necessariamente. Existem restaurantes ou bares onde o estilo do atendimento favorece aqueles que ainda não dominam a língua, como por exemplo um passador em um rodízio. Também tem a opção de começar como lava-pratos e assim ir se familiarizando com o local para então chegar a sala como garçom.

Veredito

Como pode ver, são profissões simples, que não exigem um diploma ou uma especialização técnica, qualquer pessoa pode aprender e trabalhar, a oferta de vagas no exterior é grande e é um ótimo começo para quem acabou de chegar em território estrangeiro.

Fizemos uma pesquisa e escolhemos uma dentre essas 5 profissões para indicar com base na oferta do mercado de trabalho, salário e facilidade de aprendizado:

Com um salário médio de 1.500 euros, um bom PIZZAIOLO pode garantir um bom emprego e ótimo salário em vários restaurantes e pizzarias, pois são facilmente encontradas em qualquer lugar ao redor do mundo.


Voltar

 

 

 

Anúncios

Um comentário em “5 profissões para começar a trabalhar no exterior

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.